Últimas Publicações

Obrigações do Dia

  • 03/Abril/2020 – 6ª Feira.
  • ICMS | Refinador de petróleo e suas bases.
  • ICMS | Refinador de petróleo e suas bases.
  • ICMS
saiba mais

Indicadores Econômicos

Moedas - 01/04/2020 16:47:11
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 5,238
  • 5,240
  • Paralelo
  • 4,430
  • 5,190
  • Turismo
  • 5,210
  • 5,520
  • Euro
  • 5,721
  • 5,722
  • Iene
  • 0,049
  • 0,049
  • Franco
  • 5,411
  • 5,417
  • Libra
  • 6,501
  • 6,506
  • Ouro
  • 268,490
  •  
Mensal - 04/03/2020
  • Índices
  • Jan/20
  • Dez/19
  • Inpc/Ibge
  • 0,19
  • 1,22
  • Ipc/Fipe
  • 0,29
  • 0,94
  • Ipc/Fgv
  • 0,59
  • 0,77
  • Igp-m/Fgv
  • 0,48
  • 2,09
  • Igp-di/Fgv
  • 0,09
  • 1,74
  • Selic
  • 0,38
  • 0,37
  • Poupança
  • 0,05
  • 0,05
  • TJLP
  • 5,09
  • 5,57
  • TR
  • -
  • -
saiba mais

Confira se você já teve dados pessoais vazados na internet

Todo mundo já teve medo de que seus dados online fossem vazados. Mesmo com a sanção da Lei Brasileira de Proteção de Dados, que só começará a valer em 2020, é muito difícil ter certeza de que o email que inserimos neste ou naquele site não será compartilhado com outras centenas de contas.

Pensando nisso, a Mozilla desenvolveu uma ferramenta que permite ao usuário descobrir se já teve seu endereço eletrônico exibido indevidamente e dá pistas de como se precaver. Toda vez que um portal tem dados vazados, o Firefox Monitor é acionado para atualizar as informações. Mas há uma notícia boa: não é preciso usar o Firefox para acessar o serviço.

Descubra se seus dados foram vazados
1. Acesse o site do Firefox Monitor e insira seu endereço de email no campo disponível;

2. Os resultados de possíveis vazamentos são apresentados e pode-se identificar em quais sites seus dados foram acessados. Para saber mais, basta clicar em "Mais sobre este vazamento";

3. Na sequência, você encontra mais informações sobre quais dados foram hackeados e em qual data;

Se você realmente teve informações vazadas, o Firefox Monitor dá algumas dicas de como proceder. A principal orientação, porém, é: crie uma nova senha diferente e única no site invadido e não reutilize senhas entre sites.

Fonte: Tecmundo | 21/06/2019 

Site desenvolvido pela TBrWeb
(XHTML / CSS)
MFM Contabilidade e Consultoria S/S LTDA
Av. Anita Garibaldi, 850 - sala 812 - Torre Premium - Bairro Cabral - Curitiba/PR
CEP: 80540-180  |  Fone / Fax (41) 3086 1412